CULTURA

Em jantar, Geraldo Julio busca apoio de artistas locais

Publicado em 17/07/2012, às 22h50 | Atualizado em 21/07/2014, às 19h00

Milenna GomesDo NE10

Candidato à Prefeitura do Recife, Geraldo Julio (PSB) quer o apoio dos artistas locais. A fim de se aproximar dos recifenses que vivem de cultura e, quem sabe, conseguir eleitores ligados a eles, o socialista promoveu um jantar no qual reuniu nomes conhecidos. O evento aconteceu na noite desta terça-feira (17), no terraço do Paço Alfandêga, área central do Recife, e teve, mais uma vez, Eduardo Campos como centro das atenções.

O governador, em discurso, levantou a bola do apadrinhado e fez questão de destacar as realizações de Geraldo no posto de Secretário de Desenvolvimeto do Estado. 'É admirável o talento que ele tem de liderar e fazer as coisas acontecerem. É um craque em gestão pública', elogiou.

O prefeiturável, em seguida, deixou claro que seu programa de governo em relação à cultura ainda está em construção e o momento era propício para uma troca ideias com os artistas e intelectuais. 'As pessoas têm o direito de poder sobreviver do talento que possuem. Vamos fomentar políticas públicas para que isso seja possível', prometeu.

http://www2.uol.com.br/JC/HTML_PORTAL/cotidiano/discurso.jpgGeraldo falou ao lado de aliados

Artistas plásticos, músicos, dançarinos e escritores, além de aliados políticos, estavam entre os convidados presentes. A maioria, velhos conhecidos do governador, confirmaram voto certo em Geraldo. Outros, como João do Morro, foram ao encontro para analisar as propostas do candidato.

http://www2.uol.com.br/JC/HTML_PORTAL/cotidiano/joaodomorro.jpg João do Morro compareceu ao jantar com produtores e músicos

'Não gosto de ler sobre os concorrentes. Perfiro conhecer pessoalmente e sentir o calor', explicou. O cantor ainda falou que, se tiver oportunidade, vai sugerir a Geraldo que implante uma disciplina de música nas escolas, caso seja eleito.  E criticou: 'Os R$100 mil reais de cachê dado a um famoso de fora pagam 10 artistas pequenos. Eles precisam ser valorizados'.

http://www2.uol.com.br/JC/HTML_PORTAL/cotidiano/felix.jpg Féliz acredita que artes plásticas são o patinho feio da cultura

O artista plástico Félix Farfan confirmou apoio ao socialista e deixou o recado: 'As artes plásticas são o patinho feio da cultura recifense. Existe muito dinheiro disponível para a área, mas não é bem investido. Por exemplo, Jennifer Lopez vem para cá, uma grande exposição, contudo, não'.

PALAVRAS-CHAVE: eleições 2012

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

Vitrine NE10
Fechar vídeo