Pernambuco

Humberto Costa garante que vai cumprir o mandato de senador

Publicado em 04/10/2010, às 00h01 | Atualizado em 30/07/2014, às 13h40

Do JC Online

ATUALIZADA À 1H45

Cotado para assumir algum ministério caso a candidata petista à Presidência da República, Dilma Rousseff (PT), seja eleita, o senador eleito por Pernambuco Humberto Costa (PT), com votação de 38,82%, garantiu que a princípio pensa em cumprir o seu mandato no Senado. 'Não há a mínima possibilidade de eu não ir para o Senado', declarou.

O petista afirmou que estava 'com a alma lavada' após a vitória. 'No começo, me candidatava para majoritário para aumentar o espaço do PT em Pernambuco. Em 2006 (candidato ao governo do Estado), o cavalo passou selado. Agora, vencemos. Não é um cala-boca para ninguém. Para mim, é uma quebra de tabu. Vencer essa eleição, de certa forma, lava a minha alma', declarou.

LEIA MAIS
» Confira como foi a cobertura participativa das eleições
» Armando afirma que unidade política foi primordial para a sua eleição [+video]

BLOG DE JAMILDO
» Armando e Humberto devem abrir guerra pela sucessão de Eduardo
» Erro de Marco Maciel foi fazer uma campanha olhando para o passado

Humberto disse ainda que o fato de ele e Armando Monteiro (PTB) terem votação semelhante era algo natural. 'Se analisarmos, em todas as eleições ao Senado com dois candidatos, a diferença é sempre pequena.'

O suplente do petista é Joaquim Francisco (PSB). 'Me apresentei à sociedade como candidato ao Senado para recuperar algo que perdemos, de estarmos tanto com o presidente quanto com o governador. Entendo que a melhor forma de ajudar Pernambuco atualmente é no Senado', garantiu Humberto.

Durante o primeiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Humberto Costa ocupou o cargo de ministro da Saúde. Saiu após o episódio que ficou conhecido como o escândalo da Máfia dos Vampiros. Este ano, foi absolvido das acusações de irregularidade.

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

Vitrine NE10
Fechar vídeo