Aprenda a fazer uma mini feijoada com charque e linguiças

Publicado em 05/09/2013, às 18h57 | Atualizado em 19/07/2014, às 20h20

Por Eduardo Gazal

Em todos os Estados que visitei conheci receitas que utilizam o feijão preto. Em Porto Alegre é servido diariamente e substitui outras variedades de feijões. Não leva em sua preparação a adição de carnes, somente os grãos temperados em seu próprio caldo.

Nas feijoadas carioca e mineira, que são as mais difundidas em nossa terra e disputam a primeira colocação quando são colocadas à prova, as lingüiças e partes salgadas de suíno são amplamente utilizadas.

Em Pernambuco conheci a carne salgada e curada que por muitos é chamada de charque ou carne seca. Na preparação que faremos hoje utilizarei um corte específico chamado ponta de agulha.

Esta carne é retirada das costelas do boi e será a base do nosso prato. No vídeo abaixo veremos a forma de dessalgar a carne e sua utilização nesta receita que levará também linguiças portuguesa e calabresa. O tempo de cozimento dos diferentes ingredientes será o diferencial neste clássico da culinária brasileira que adaptei em uma preparação muito simples e fácil. Aproveitem!!!

INGREDIENTES

01 Kg – Charque Ponta de Agulha
700 g – Lingüiça Portuguesa
300 g – Lingüiça Calabresa Curada e Defumada
500 g – Feijão Preto ( a quantidade pode chegar a 01 Kg )
02 – Cebolas
01 – Tomate
01 – Salsa ou Hortelã ou Coentro
01 – Caldo de Legumes ( tablete ou sachê )
02 – Colheres de Café de Colorífico
01 – Pimentão Verde
01 – Laranja Pera
Um toque de cachaça

Acompanhe os blogs de Eduardo Gazal:
» Culinária árabe
» Culinária brasileira

*As colunas assinadas não refletem, necessariamente, a opinião do NE10

PALAVRAS-CHAVE:

Web gourmet Eduardo Gazal pós-­graduado em Gastronomia Brasileira e ainda um cozinheiro por paixão!. eduardogazal@gmail.com

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo