Cozinha do Gaúcho

Frango com gorgonzola no papelote. Prático e delicioso

Publicado em 16/11/2017, às 11h37 | Atualizado em 16/11/2017, às 12h15

Por Eduardo de Azevedo

A técnica do papelote deixa o peito de frango suculento e muito saboroso / Foto: Eduardo de Azevedo

A técnica do papelote deixa o peito de frango suculento e muito saboroso Foto: Eduardo de Azevedo

Prático, fácil, saudável e delicioso. Assim pode ser definido o frango com gorgonzola no papelote. Rende um filé de frango suculento e vegetais bem tenros. E um detalhe bem importante: não deixa quase nada para limpar depois.

Isso graças à técnica do cozimento no papelote, que consiste basicamente em envolver o alimento (ou alimentos) em papel manteiga ou alumínio (eu usei alumínio porque utilizei a assadeira de boca de fogão, mas no forno você pode usar o papel manteiga) para que cozinhem lentamente no próprio vapor.

Para cozinhar carnes com essa técnica (como o peito de frango) é preciso fazer uma “cama” de legumes para que a proteína não grude no papel.

O preparo de cada porção deve ser individual. E você pode servir de duas maneiras. Após o cozimento, você pode transferir o conteúdo do papelote para um prato (essa foi a opção da receita sugerida pela Cozinha do Gaúcho). Ou pode levar à mesa com o papelote ainda fechado, para ser aberto somente na hora de comer. Seja como for, bom apetite!

Ingredientes

6 filés de peito de frango
vinho branco
1 colher de sopa de alho triturado
2 colheres de sopa de shoyu
1 colher de chá de gengibre ralado
sal
ervas frescas (usei sálvia e manjericão)
1 colher de mostarda
pimenta-do-reino
3 cebolas grandes em rodelas grossas
3 tomates em rodelas grossas
1 abobrinha cortada em seis lâminas
sopa de cebola (ou creme)
manteiga sem sal
6 fatias de queijo gorgonzola

Modo de fazer

Os peitos de frango devem ficar numa marinada com ervas e vinho branco antes do preparo

Os peitos de frango devem ficar numa marinada com ervas e vinho branco antes do preparoFoto: Eduardo de Azevedo

Faça marinada com os peitos de frango, vinho branco, sal a gosto (cuidado porque a receita pede shoyu), alho triturado, gengibre, ervas frescas (pode ser erva seca), shoyu e pimenta-do reino. Deixe marinar por, no mínimo, 15 mimutos (quanto mais tempo melhor).

Divida a cebola, o tomate e a abobrinha em seis porções. Abra um pedaço de papel alumínio (ou papel manteiga, se for assar no forno) no tamanho que dê para acomodar um filé de peito de frango e sobre um pouco para cima.

Faça uma cama com anéis de cebola. Coloque por cima uma lâmina de abobrinha e polvilhe sopa (ou creme) de cebola. Coloque rodelas de tomate e tempere com sal a gosto e folhas de manjericão.

Finalize a montagem com um filé de peito de frango e 1/2 colher de chá de manteiga.

Feche o alumínio, mas deixe uma folga em cima para que o filé cozinhe no vapor. Leve para uma assadeira de boca de fogão (churrasqueira de fogão) por 20 minutos em fogo baixo. Se preferir assar no forno, use ele preaquecido a 180 graus pelo mesmo tempo.

Abra o alumínio e coloque por cima do assado uma fatia de gorgonzola. Volte a assar por 10 minutos, mas com o alumínio aberto. Transfira para o prato e sirva. Rende seis porções.


*As colunas assinadas não refletem, necessariamente, a opinião do NE10

Cozinha do Gaúcho Eduardo Azevedo é considerado pelos amigos como o gaúcho mais pernambucano que eles conhecem. É formado em jornalismo pela Unisinos, em São Leopoldo/RS, e foi adotado por Pernambuco faz 25 anos. A cozinha é uma das suas paixões.. gaucho.azevedo@gmail.com

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo