Série B

Ceará vence terceira seguida e deixa Bragantino em crise

Publicado em 18/08/2012, às 19h45 | Atualizado em 21/07/2014, às 15h25

Fonte: Agência Estado

O Ceará chegou à sua terceira vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B e afundou o Bragantino na crise. Mesmo atuando no Estádio Nabi Abi Chedid, neste sábado, em Bragança Paulista, o time cearense foi mais eficiente e ganhou por 3 a 1, em jogo válido pela penúltima rodada do primeiro turno.

Esta foi a terceira derrota seguida do Bragantino, que ainda não venceu sob o comando do técnico Roberto Cavalo. Para piorar, o time paulista segue na zona de rebaixamento, com apenas 15 pontos. Já o Ceará se aproxima um pouco mais da luta pelo acesso ao somar agora 27 pontos.

Apesar da derrota, o Bragantino foi quem saiu na frente do placar. O meia Fernando Gabriel cobrou escanteio da direita e o zagueiro Rafael Caldeira faz de cabeça logo aos sete minutos. O empate do Ceará saiu aos 21, com um gol contra do volante Anderson, após escanteio cobrado pelo meia Bruninho.

Ainda no primeiro tempo, o time cearense conseguiu a virada. O lateral Márcio Careca levantou a bola pela esquerda e o zagueiro Luizão completou de cabeça. O jogo foi liquidado aos 28 minutos da etapa final. Aí, o atacante Itamar ajeitou de cabeça para o companheiro Robert, que dominou com estilo e bateu firme no canto direito, definindo a vitória do Ceará por 3 a 1.

No próximo sábado, o Bragantino volta a campo para enfrentar o Boa, no Estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG). Já o Ceará encara o Vitória um dia antes, na sexta-feira, em Fortaleza.

FICHA TÉCNICA:

BRAGANTINO 1 X 3 CEARÁ

BRAGANTINO - Rafael; Murilo Silva (Tchô), Guilherme, Caldeira e Franck (Cesinha); Moisés, Anderson (Paulo Renê), Robertinho e Fernando Gabriel; Léo Jaime e Lincom. Técnico - Roberto Cavalo.

CEARÁ - Fernando Henrique; Paulo Sérgio, Daniel Marques, Luizão e Marcio Careca; Heleno, João Marcos, Juca (Régis) e Bruninho (Robert); Mota e Itamar (Robston). Técnico - Paulo César Gusmão.

GOLS - Rafael Caldeira, aos 7, Anderson (contra), aos 21, e Luizão, aos 39 minutos do primeiro tempo; Robert, aos 28 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Dewson Fernando Freitas da Silva (PA).

CARTÕES AMARELOS - Rafael Caldeira, João Marcos, Paulo Sérgio, Bruninho, Juca e Fernando Henrique.

RENDA - R$ 11.350,03.

PÚBLICO - 1.033 pagantes.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

PALAVRAS-CHAVE:

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.