NE10
Pernambuco - 16.04.14 - Atualizado às 07h07

Grande Recife // greve

Policiais civis em greve fazem manifestação na Agamenon Magalhães

Publicado em 03.08.2012, às 09h52


Do NE10 Com informações da Rádio Jornal

ATUALIZADA ÀS 10H

Os policiais civis de Pernambuco, em greve desde o último dia 23, escolheram uma das avenidas mais movimentadas do Grande Recife para realizar protesto nesta sexta-feira (3). Com bandeiras fincadas nas proximidades da Praça do Derby, na Agamenon Magalhães, no Centro do Recife, os manifestantes distribuem uma carta aberta à sociedade explicando a pauta de reivindicações e o processo de negociação.

Os grevistas reclamam por reajuste salarial de 65%, adicional noturno, horas-extras, vale-refeição e melhorias de locais de trabalho e equipamentos de segurança, como coletes à prova de bala, entre outras medidas. Eles pedem que o salário seja o segundo melhor do País e primeiro lugar no Nordeste, passando o inicial de Sergipe, que é de R$ 4150.

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol-PE) disse que a manifestação desta sexta, além de dar seguimento às mobilizações que já duram 12 dias, é uma resposta ao governo do Estado. Ouça a reportagem de Karoline Fernandes, da Rádio Jornal.

Desde o primeiro dia de paralisação, o governo já havia anunciado a impossibilidade de negociar um reajuste salarial com a categoria, alegando que um acordo já foi fechado com a categoria em 2011, estabelecendo reajustes até 2014, prevendo aumento de 8,4% este ano; 8,14% em 2013; e, por último, 14,55%, segundo a secretaria estadual de Administração (SAD). Nessa quinta-feira, o governador Eduardo Campos disse à Rádio Jornal que pode dialogar com os policiais, desde que a greve acabe. Além disso, afirmou que o ponto dos grevistas de julho já foi cortado.

Na quarta-feira, foi realizada uma passeata que saiu do Instituto de Criminalística (IC), na Zona Norte do Recife, até a sede temporária do Poder Executivo, o Centro de Convenções, em Olinda. Ao final, houve uma assembleia, que decidiu pelo atendimento apenas nas delegacias de plantão de Casa Amarela, na Zona Norte da capital; Boa Viagem, na Zona Sul; e Paulista, na Região Metropolitana do Recife. Também são mantidas as perícias após os crimes e da emissão de carteiras de identidade. Desde o início da greve, o Sinpol afirma que 30% dos serviços continuam sendo prestados.

Uma nova assembleia será realizada na próxima segunda-feira (6), para definir os rumos da mobilização.

Compartilhe essa notícia

DIGG NEWSVINE STUMBLE WINDOWS LIVE GOOGLE FACEBOOK MYSPACE
Comente esta matéria
validador 

Cadastre-se! Esqueceu a senha? O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa. Para participar, é preciso ser cadastrado no Portal.
De: PARABÉNS PC- 03/08/2012 11:14

Parabéns ao bravos Policiais Civis de Pernambuco! Já a briosa PM...

De: coragem- 03/08/2012 10:57

greve política, todos nós sabemos que por trás dessa greve tem o dedo petista.pois o sinpol é ligado ao pt.caso dos leites.sérgio e henrique.se o sindicato acordou com todas as cetegorias do serviço público um aumento salarial de 47% até2014. a greve é ilegal.assinou acórdão acabou.a população do recife vai dar o troco a essa cambada de petistas nas eleições .não elegendo sr.sanguessuga HUMBERTO COSTA PREFEITO.sr. presidente desse sindicato ligado ao @#$% resposta será dadad nas eleições.

Publicidade



ranking

  1. Nenhuma notícia lida até o momento

especial

Derrepente virtual

Derrepente virtual

Produzido por concluintes do curso de Jornalismo da Católica, especial mostra como a literatura de cordel sobrevive na era virtual.

Sistema Jornal do Commercio de Comunicação
© Copyright © 1997-2014, SJCC - Sistema Jornal do Commercio de Comunicação - Recife - PE - Brasil
Grupo JCPM