NE10
Pernambuco - 23.04.14 - Atualizado às 06h20

Grande Recife // ferramenta

Governador lança site com os 100 criminosos mais procurados de Pernambuco

Publicado em 29.09.2011, às 12h51

508461d86ae2decd2992097629062327.jpg
Governador apresentou a ferramenta confiante, em parceria com o TJPE e o MPPE
Foto: Andréa Almeida/NE10
Do NE10 ATUALIZADO ÀS 13H24

Trinta dias após o lançamento do Sistema de Contenção ao Crime, cujo objetivo é encontrar os 100 acusados de homicídios e latrocínios mais perigosos de Pernambuco, o governador Eduardo Campos apresentou na manhã desta quinta-feira (29) uma nova ferramenta online onde a lista com esses nomes está disponível para acesso da população, no site da Secretaria de Defesa Social - SDS (www.sds.pe.gov.br).

O intuito é promover uma maior interação entre a sociedade e o governo. O encontro aconteceu na Secretaria de Planejamento e Gestão de Pernambuco (Seplag) após a reunião de monitoramento do Pacto Pela Vida.

"Bandido não tem mais vez em Pernambuco. Vamos buscar a paz e trabalhar para prender os 100, com a ajuda da população", exaltou Eduardo Campos. No livro de Contenção ao Crime existem 493 procurados, e, de acordo com o secretário de Defesa Social, Wilson Damázio, desse total já foram encontradas 75 pessoas em menos de 30 dias de trabalho. [Veja o vídeo]

Damázio ainda acrescentou que o Estado está avançando com a ferramenta e que a mobilização agrega vários órgãos. "O trabalho é feito por várias mãos, em parceria entre o Governo do Estado, Ministério Público de Pernambuco, Tribunal de Justiça de Pernambuco, sistema presidiário, entre outros", disse.

As denúncias podem ser efetuadas pela ouvidoria da SDS 0800.081.5001, e pelo número do Disque-Denúncia, (81) 3421.9595. O anonimato será preservado e a recompensa pelas informações prestadas podem chegar a R$ 2 mil.   

O slogan da página é "O crime tem muitas caras e uma mesma solução: a denúncia", e reúne fotos e informações a respeito dos foragidos, além de telefones para contatos para que a população possa ajudar a Polícia a encontrá-los.

Em paralelo ao site, também foi lançada uma campanha que divulga os procurados em todo o Estado. Serão distribuídos 2 mil cartazes, 50 outdoors em ônibus e monitores eletrônicos disponíveis para consultas no Terminal Integrado de Passageiros (TIP) e nas delegacias de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, e Boa Viagem, no recife.

"Além dessa mídia, temos 300 tornozeleiras para monitoração dos detentos em regime semiaberto, além de já termos contratado mais 700. Pretendemos abrir uma licitação para alcançar o número de 2 mil tornozeleiras", disse o secretário Damázio.

Eduardo Campos dedicou o lançamento da ferramenta, em especial, ao procurador geral da Justiça - Aguinaldo Fenelon - e ao presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) - José Fernandes Lemos. "Sem o apoio e as informações repassadas por eles, não seria possível existir essa novo site".

Em relação à declaração do governador, Fenelon disse "estar muito feliz em nome do MPPE" e que "esse é um verdadeiro processo de interação com a população". Ele adiantou, também, que os procuradores gerais de todo País aderiram o Pacto Pela Vida. "É um exemplo do sucesso do programa. O MPPE apoia em totalidade a ferramenta, a favor da cidadania e da paz em Pernambuco".

Compartilhe essa notícia

DIGG NEWSVINE STUMBLE WINDOWS LIVE GOOGLE FACEBOOK MYSPACE
Comente esta matéria
validador 

Cadastre-se! Esqueceu a senha? O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa. Para participar, é preciso ser cadastrado no Portal.
De: Renato- 08/06/2012 10:10

A realidade que o governador vive é bem diferente do dia dia das pessoas comuns. Agora, nesse exato momento enquanto escrevo esse comentário, vi um assalto no bairro do Jiquiá com arma de fogo. O site da SDS não está funcionando. A quem esses políticos querem enganar? Eles vivem cercados de segundaças armados e nós, na rua, levamos revólver na cara. Essa é a realidade sr. governador.

De: Henrique- 30/09/2011 08:32

Utilizar dinheiro publico em prol da segurança publica com implantação de novas tecnologias é salutar,no entanto,Tornozeleiras são usadas para fim diverso,ou seja hoje serve para criar uma vaga no sistema penitenciario, devolvendo o detento ao convivio social sob o pretexto de estar sendo "monitorado"!!! De grandes contratos o nosso Estado está cheio, precisa-se de condições minimas para dignidade da pessoa humana, daí resultará no caminho da então sonhada Paz.

De: CIDADÃO NÃO LISTADO- 29/09/2011 18:37

Parabéns ao Estado de Pernambuco pela iniciativa, pois bem sabemos que os políticos vão embora de seus respectivos compromissos com o Estado, temos o exemplo recente da deputada federal. Pois bem, mas que adinta sabermos o paradeiro desses marginais se faltam policiais nas ruas, delegacias e presídios de no de nosso querido Estado? Não adianta ficarem colocando pms para fazerem o trabalho de agentes penintenciários, é cada macacaco, ou melhor, cada agente da segurança pública estadual no seu galho.

Publicidade



ranking

  1. Nenhuma notícia lida até o momento

especial

Derrepente virtual

Derrepente virtual

Produzido por concluintes do curso de Jornalismo da Católica, especial mostra como a literatura de cordel sobrevive na era virtual.

Sistema Jornal do Commercio de Comunicação
© Copyright © 1997-2014, SJCC - Sistema Jornal do Commercio de Comunicação - Recife - PE - Brasil
Grupo JCPM