Sábado de Zé Pereira

Galo da Madrugada inunda Recife com águas de frevo

Publicado em 09/02/2013, às 14h04 | Atualizado em 20/07/2014, às 20h30

Rômulo AlcoforadoEspecial para o NE10

Nem bem as primeiras lâminas de luz solar, entrevistas pelas persianas da janela, invadem o quarto de um bom pernambucano no Sábado de Zé Pereira, e ele já se põe de pé num pulo. A fantasia pensada com antecedência, um adereço imaginado com cuidado, o mais profundo ânimo buscado em algum recôndito do espírito e... pronto! É assim que, multiplicada por 2,5 milhões de pessoas, faz-se a mágica do Galo da Madrugada. Em 2013, o 36º desfile do maior bloco do mundo provou, novamente, a ligação especial deste povo com a folia no Centro do Recife. Afirmou - e sublinhou - o que todo e qualquer cidadão de Pernambuco sabe: Nós nascemos para o Carnaval.


Fotos: Alexandre Gondim/JC Imagem

No ano em que o Rio São Francisco foi o tema do desfile - 'O Rio São Francisco deságua no mar do frevo -, é justo afirmar que o Galo da Madrugada inundou o Centro da cidade com o ritmo pernambucano. Nada menos que 25 trios elétricos, 32 orquestras e mais de 60 cantores embalam as mais de 2,5 milhões de pessoas no Galo.

A animação do povo é visível - quase palpável. Basta o frevo se anunciar, mesmo timidamente a princípio, para o público levantar, dançar e cantar a plenos pulmões. Uma dessas pessoas é o administrador Vladimir Albuquerque. 'Espero o ano todo por essa festa maravilhosa, e ela nunca me decepciona', diz.


Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem

Além de animação, não faltaram fantasias. As tradicionais estiveram presentes, bem como as mais criativas. O autônomo Marcos Antônio se vestiu como 'Catarina, a vendedora de virgindade', em alusão à catarinense que leiloou sua primeira vez. 'Estou à procura de um comprador. Os lances começam em R$ 1,5 milhão', diverte-se, devidamente metido dentro de um vestido branco e com uma peruca loira na cabeça.


Foto: Helia Sheppa/JC Imagem

Havia gente de toda parte. Vanessa Mello veio de longe. Natural de Belo Horizonte, a bancária chegou ao Recife para o Carnaval. Estava encantada: 'Eu não conhecia muito o frevo, mas é impressionante. Quando toca, todo mundo se anima. É de arrepiar. Já fui a outras cidades, mas, sem dúvida, esse aqui é o melhor carnaval do mundo'. Diante de tudo isso que vai acima, alguém ainda há de discordar?


Fotos: Guga Matos/JC Imagem

 

PALAVRAS-CHAVE: carnaval2013

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.